Banda larga e link dedicado, qual a diferença?

porNaasson Mizael Factum dos Santos FActum

Banda larga e link dedicado, qual a diferença?

Independente do tipo da conexão, banda larga e link dedicado é imprescindível contar com uma operadora de telecomunicações, devidamente licenciada a ANATEL, para oferecer os pacotes de serviços de internet.

A ampliação do acesso à web é uma tendência irreversível que já é bem-vinda para o desenvolvimento do país. Graças a internet passamos por grande transformações tecnológicas que repercutem nas empresas, no trabalho, na educação, no consumo e agora podemos conectar à internet das coisas.

Com certeza pouca gente sabe a diferença da banda larga e link dedicada e do que se trata essas tecnologias. Por isso, nesse artigo vamos tentar esclarecer como funciona a banda larga e link dedicado e quais são as diferenças entre eles.

Banda larga e link dedicado

Banda larga e link dedicado é uma conexão à internet em alta velocidade e que sempre está disponível através de diversas tecnologias para o usuário final.

Essas tecnologias podem ser:

  • DSL / ADSL
  • Rádio / Wi-Fi
  • Celular
  • Satélite
  • Cabo digital
  • Fibra ótica

Todas as tecnologias são muito parecidas do ponto de vista do usuário, ou seja, fornecem acesso em alta velocidade de transferência de dados ou bytes. Mas é na velocidade de conexão que está a grande diferença entre ele o link dedicado e a internet banda larga comum.

A conexão do link dedicado é muito maior do que as velocidades oferecidas pelos planos de internet banda larga. Além disso, o serviço de link dedicado possui muito mais estabilidade do que a banda larga comum e entrega a velocidade estabelecida em contrato.

Com a internet dedicada você possui uma estrutura exclusiva, com uma tecnologia de sinalização. Isso permite que a taxa de upload e download sejam a mesma, possibilitando uma internet segura e confiável.

O Diretor Comercial da TMC Telecomunicações, Márcio Mattos, afirma que o Link Dedicado oferece a garantia de 100% da banda contratada para upload e download. Já a Banda Larga garante apenas 10% do contratado. “Ou seja, quando você contrata uma Banda Larga de 10MB está na verdade contratando o equivalente a 1MB garantido”, diz.

Essa garantia de 10% pela internet banda larga ocorre porque aplicam o compartilhamento da conexão, oferecido pela companhia telefônica. A tecnologia mais utilizada pelas operadoras é a ADSL. Funciona com base na instalação de um modem específico para a conexão ADSL no local desejado pelo usuário (casa, escritório, empresa, etc.) e conectado a um equipamento na central telefônica. Fazendo com que a linha telefônica sirva como uma ponte entre esses dois pontos.

Geralmente a maioria das empresas que oferecem serviços ADSL só oferecem esse serviço para os usuários que estão num raio aproximado de 5 km da central telefônica. Isso acontece porque quanto mais longe o usuário estiver da central, menor será a velocidade da conexão e, consequentemente, pior será o serviço.

Por outro lado, quem tem banda larga em casa sabe que raramente se consegue a velocidade de internet prometida pela operadora, tanto para fazer downloads quanto uploads. Como se trata de um ponto da empresa de telecomunicações que é distribuído para vários usuários, o sinal tente a sofrer mais oscilações, especialmente quando muitas pessoas estão conectadas ao mesmo tempo. Por isso, é muito comum ver as reclamações dos usuários a cerca dos serviços de banda larga oferecidos pelas operadoras, que não conseguem entregar a velocidade estabelecida em contrato em sua totalidade, gerando frustração em muitos clientes.

Já quem opta pelo serviço de link dedicado não sofre com esse problema, pois, esse tipo de conexão conta com dois canais exclusivos para a sua conexão, sem divisão com outros usuários, o que garante a estabilidade do sinal.

Vantagens e desvantagens

Como já foi mencionado, a velocidade e a estabilidade do serviço de link dedicado são muito superiores às da banda larga comum. Outra vantagem do link dedicado é que, diferentemente da banda larga, a velocidade da conexão não varia de acordo com o número de usuários conectados. Além disso, o link dedicado permite a criação de servidores internos e serviços específicos de criptografia.

Por outro lado, o serviço de link dedicado tem um custo mais elevado que o da banda larga comum e a sua  instalação é mais demorada, além de ele exigir uma manutenção mais complicada.

Além disso, os contratos para a aquisição de um link dedicado costumam ser bem mais longos que os de banda larga. Justamente por isso, ele só é disponibilizado para pessoas jurídicas.

Entre em contato com o departamento técnico da TMC Telecomunicações e peça um auxilio de um de nossos consultores para ajudá-lo a escolher qual a melhor solução para sua internet.

Sobre o Autor

Naasson Mizael Factum dos Santos FActum administrator

Deixe uma resposta

WhatsApp chat